Notícias sobre o Mercado

Notícias sobre o Mercado

Abralimp faz palestra sobre Educação Financeira

Durante a manhã do dia 12/09, a Abralimp recebeu o consultor do SPC (Serviço de Proteção ao Crédito) José Vignoli para proferir a palestra “Reflexão sobre Finanças Pessoais”. O evento foi aberto pela diretora da Câmara de Prestadores de Serviços de Limpeza Profissional, Nathalia Tiemi Ueno.

Em sua palestra, Vignoli propõe uma reflexão sobre os principais aspectos ligados às finanças: valores, equilíbrio, poupar e futuro. Sobre o futuro, ele ressalta que os jovens não possuem perspectiva de futuro pois são bastante imediatistas. Sobre o equilíbrio, ele lembra que perdemos o equilíbrio quando passamos por dificuldades financeiras e a questão de poupar não faz parte da prioridade de muitas pessoas. “Educação financeira não tem relação com a quantidade de dinheiro. A falta dela afeta pessoas de todas as faixas de renda. Por isso, o assunto finanças deve ser tratado de forma aberta e transparente na família. Viver acima das possibilidades é muito difícil”, afirma.

Ele alerta para as armadilhas que nos levam a ter problemas financeiros. Entre elas a tentação de consumo ou de nos preocuparmos com “os outros”. “Você precisa de uma televisão enorme num ambiente pequeno? Precisa seguir as tendências de moda ou ter o celular ou o carro mais modernos? É mesmo necessário oferecer o churrasco com cerveja que muitas vezes é parcelado em seis vezes pelo anfitrião?”

O especialista forneceu dados que ilustram o problema no País: 65% dos brasileiros não têm educação financeira, 37% dos consumidores compram por impulso, 57% dos usuários de cartões de crédito não controlam os gastos, 27% dos usuários de vale refeição extrapolam o valor do benefício, 33% dos consumidores das classes C,D e E compram sem necessidade e 49% dos brasileiros dizem não ter dinheiro para investir.

Segundo Vignoli, esta questão afeta diretamente as empresas, pois um funcionário com problemas financeiros pode ficar agressivo, distraído ou ter baixa autoestima. “As dificuldades em lidar com as finanças trazem consequências no trabalho e as empresas devem tratar deste problema sem ingerir na vida do colaborador. Entre as alternativas estão a adoção de uma política clara de concessão de crédito, acompanhamento da concessão por terceiros quando consignado, identificar e tratar do problema provendo informações sobre educação financeira e, inclusive, dar o exemplo como uma organização que possui controle e planejamento.

Ele recomenda o site www.meubolsofeliz.com.br para que os funcionários das empresas de limpeza profissional tenham acesso a informações sobre educação financeira.

Compartilhe este conteúdo: